Cobertura: Cerimônia do Hall Of Fame da WWE - "Kurt Angle, Beth Phoenix e mais"

Nesta noite, teremos o anual evento que homenageiam grandes lendas da história da WWE. A cerimônia do Hall Of Fame irá ocorrer em Orlando, Flórida no Amway Center. Confira logo á baixo, a cobertura em tempo real do evento.

PRÉ-SHOW

Começamos o Pré-Show do Hall Of Fame com imagens do prédio onde será realizado a cerimonia.

Byron Saxton está junto de Maria Menounos. Eles nos dão boas vindas.

Byron diz que está sentindo uma grande energia e bastante ansiedade para está noite.

Byron chama Renee Young que está junto de Booker T.

Booker diz que ele se vestiu bem para a ocasião e está bastante ansioso. Ele diz que quer ver Teddy Long pois faz muito tempo que eles não se veem.

Alexa Bliss é entrevistada. Bliss diz que amou o vestido que ela está usando. Ela é questionada, sobre seu combate na WrestleMania. Alexa Bliss diz que se preparou muito para este combate na WrestleMania, e ela diz que será um combate muito difícil pois qualquer lutadora do roster pode participar. A repórter comenta sobre o combate dela ter sido movido para o card principal por causa do pedido dos fãs. Alexa agradece os fãs, por apoiarem tanto a divisão feminina.

Byron está junto de Ric Flair. Ele pergunta como ele está se sentindo hoje. Flair diz que está bem. Flair diz que Kurt Angle é o introduzido especial deste ano, por toda a história que ele tem na WWE.

Renee Young está com Mick Foley e sua filha Noelle. Renne comenta sobre o traje de Foley. Foley diz que foi feito especialmente para está noite. Foley diz que ama Kurt Angle e fica feliz por ele ser homenageado nesta noite como ele merece.

Kelly Kelly é entrevistada. Ela diz que tem muitas memórias estando de volta aos ambientes da WWE. Ela diz que está ansiosa pela WrestleMania e que está torcendo para Maryse.

Byron diz que está é uma ocasião especial pois vemos lutadores de todas as épocas que já fazem bastante tempo que não vemos.

Baron Corbin está junto de sua namorada e é questionado sobre o combate dele na WrestleMania. Ele diz que se preparou muito para este combate e agora está concentrado e apenas quer curtir o momento. Corbin é questionado sobre quem vencerá a Andre The Giant Memorial Battle Royal, ele diz que Braun Strowman deverá vencer por ser um grande lutador.

Renee Young está com Mojo Rawley. Ele diz que é a primeira vez que ele está em uma cerimônia do Hall Of Fame e diz que estes momentos são bastantes especiais. Ele é questionado sobre como ele se sente por estar em sua primeira WrestleMania. Ele diz que é uma sensação incrível e também inacreditável e que está muito ansioso para Domingo.

Byron e Maria estão com The Miz e Maryse. Maria elogia o casal por estarem bem vestidos. Miz diz que demorou para estar pronto para está noite, pois Maryse demora um pouco para se arrumar e ele diz que demora para arrumar o seu cabelo. Byron pergunta sobre o combate do casal no domingo, eles dizem estarem confiantes e prontos para vencer. Miz diz que este vai ser o combate que todos deverão ver.

Big Show é entrevistado, ele diz que está confiante para o combate dele deste domingo e que ele poderá se tornar bicampeão da Andre The Giant Memorial Battle Royal. Show diz que muitos lutadores vão tentar eliminar ele, mas não irão conseguir. Ele diz que este é um momento especial pois pode ver grandes amigos que ele já não via a bastante tempo. Ele diz estar feliz por todos os introduzidos deste ano.

Austin Aries é entrevistado, ele diz que esta é a primeira vez dele nesta cerimonia, ele diz que é muito especial e está gostando. Ele diz que nesta noite poderá ver grandes lendas da WWE. Ele é questionado sobre o combate, ele diz estar pronto, ele diz que estudou Neville e que está pronto para sair com o Título no domingo.

Maria e Byron estão com Eve Torres. Ela diz estar muito ansiosa para está noite.

É mostrada Charlotte chegando ao local.

Renee Young está com seu namorado Dean Ambrose. Ele diz estar se sentindo fantástico, relaxado. Ambrose diz ser um grande fã do Rock 'n' Roll Express. Ele diz que a dupla revolucionou a divisão tag team.

Charlotte é entrevistada. Ela diz que está muito ansiosa para o seu combate no domingo, ela diz que se sente em casa em Orlando e irá se tornar pela quinta vez, campeã feminina do RAW. Ela lembra quando era uma criança assistindo seu pai lutar, e agora fica feliz por ser uma lutadora e fazer parte de todo o ambiente da WWE.

Roman Reigns está junto de sua namorada. Ele é questionado sobre o combate do domingo contra Undertaker. Ele diz que não quer saber sobre Undertakerm, sobre o que ele já fez na WrestleMania. Ele diz que este é o momento dele e que no domingo, Taker irá se tornar mesmo no "Dead Man".

Renee Young está junto de Nikki Bella e John Cena. Cena diz estar cansado pois essa foi uma longa semana, e que está preparado para uma linda noite. Nikki diz que está ansiosa para domingo e este é um grande momento por lutar junto de seu namorado.

Renee Young está junto de Big Casse Carmella. Ele diz que é um grande momento, uma noite especial, e está ansioso para ver Kurt Angle. Carmella diz estar ansiosa para ver Beth Phoenix. Ela diz que muito ansiosa para domingo por essa ser sua primeira WrestleMania.

É mostrado AJ Styles chegando ao local da cerimônia.

Luke Gallows e Karl Anderson são entrevistados por Renee Young. Luke comenta sobre o público estar gritando o nome de AJ Styles. Karl chama AJ Styles de sortudo.

AJ Styles é entrevistado por Maria e Byron. Ele diz que está é uma grande noite, e agradece ao apoio dos fãs. AJ é questionado sobre o combate no domingo. Ele diz que é uma grande oportunidade estar no ringue contra Shane McMahon e ainda numa WrestleMania, ele diz que vai ser um grande combate e está ansioso.

Randy Orton está junto de Renee. Ele diz que já esteve em muitas WrestleManias, mas ele acha que essa vai ser a mais especial, por conta de sua história com Bray Wyatt. Ele diz que está vai ser uma grande noite e está ansioso para ver Kurt Angle.

Byron e Maria estão com o adversário de AJ Styles,  Shane McMahon. Maria diz que os dois quase se encontraram e estava com medo de isso causar uma briga. Shane diz que acha AJ Styles um dos maiores talentos que ele já viu na WrestleMania. Shane diz que se preparou para este combate e acha que este combate vai ser menos desgastante do que o combate dele contra Undertaker na WrestleMania do ano passado.

Bayley é entrevistada. Ela diz que está ansiosa para ver Kurt Angle e Beth Phoenix.

É mostrado os introduzidos da edição deste ano.

Byron, Maria e Renee agradecem ao público por terem assistido o pré-show.

FIM DO PRÉ-SHOW.

CERIMÔNIA DO HALL OF FAME

A cerimônia começa com um vídeo mostrando os introduzidos da edição deste ano.

É mostrado o público na arena.

A música de Jerry Lawler toca e ele aparece.

Ele começa dizendo obrigado a todos e dando boas vindas.

Ele diz que nesta noite, teremos grandes lendas sendo homenageadas.

É mostrado um vídeo do momento em que DDP descobre que foi indicado para ser introduzido na edição deste ano.

Vemos um vídeo homenageando Diamond Dallas Page.

Jerry Lawler chama Eric Bischoff e ele aparece.

Ele agradece os aplausos.

Bischoff diz que desejaria que outra pessoa estivesse em seu lugar introduzindo Page e lembra do falecido Dusty Rhodes. Ele fala sobre a viagem que fez com DDP desde que era seu manager e personalidade. Ele se lembra de como ele chegou a ter uma briga com DDP e quando eles tentaram chegar ao WCW como comentarista e descobriu que tinha de fazer seu teste de entrada com DDP. No entanto, eles deixaram tudo de lado e voltaram com a amizade. Depois disso Page treinou no WCW Powerplant, território de desenvolvimento em seus 35 anos. No entanto, ele continuou a trabalhar e não parou, provando as pessoas. Ele fala sobre os grandes combates que ele teve e ele está aqui pelo seu trabalho árduo e sucesso. Ele diz que está aqui de coração por DDP e como compartilhar com todos, ajudando as pessoas com o DDPYoga como Jake Roberts e Scott Hall. 

Eric Bischoff chama Diamond Dallas Page e ele aparece.

Ele começa dizendo obrigado a todos. Ele agradece suas filhas por acompanharem ele neste momento. Ele diz que suas filhas são diamantes. Ele diz que 27 anos atrás, ele estava viajando para WrestleMania VI e que após esse tempo  ele conseguiu alcançar o Hall of Fame da WWE. Ele fica animado e fala sobre como sua vida tem sido uma anomalia. Ele se lembra de Dusty Rhodes e agradece sua carreira, lembrando momentos com ele. Ele começa a falar sobre as suas origens aos 35 anos e do que custou por causa disso. Ele agradece Jody Hamilton, Terry Taylor e a esposa de Dusty. Segue com os agradecimentos em especial ao seu outro mentor, Jake "The Snake" Roberts, a qual deve sua carreira. Fala sobre como se aprende a perder e que ele ensinou DDP. Segue mencionando pessoas importantes em sua carreira e lembrando mais histórias como com John Laurinaitis, Steven Regal (que deu a ideia do sinal do Diamond Cutter), Sting, Michael P. S. Hayes, Kevin Nash, Scott Hall, Randy Savage, Hulk Hogan, seu Dr. Kenneth West, sua ex-esposa Kimberly e sua atual esposa Brenda que o motivou e ajudou. Mantém lembrando as pessoas de seu programa de yoga, Goldberg e sua mãe. Fala sobre o quão importante era Dusty, como um irmão e pai, mas uma vez ficou irritado com ele porque acreditava que DDP não se tornaria campeão mundial, mas Rhodes disse que ele iria conseguir. Agradece Ric Flair por sua vitória pelo Título mundial e a conversa com Dusty após vencer. Ele acaba agradecendo a Jim Ross e o público por permitir ele de viver um sonho.

Jerry Lawler da continuação ao show.

É mostrado o vídeo homenageando o Rock 'n' Roll Express, próximos que irão ser introduzidos.

Jerry Lawler chama Jim Cornette e ele aparece.

Jim começa dizendo que vai tentar não decepcionar. Ele lembra como em 1983, Jerry Lawler teve a ideia de recrutar Memphis Ricky e Robert e dar-lhes algo popular da época como eram os personagens de Rock 'n Roll. Depois de crescer e ser conhecido em Memphis, "Cowboy" Bill Watts levou eles para o Mid-South Wrestling, tornando-se ídolos autênticos. Ambos os homens e mulheres gostavam da dupla, até o ponto onde os fãs conectados com eles até chegaram a bater para defendê-los. Ele comenta sobre a diferença de contraste com o Midnight Express e a magia que eles fizeram em suas lutas. O encontro entre os Express seguiu na televisão nacional, mas finalmente chegou ao fim por políticas internas e a dissolução do Midnight Express. O Rock 'n’ Roll Express seguiu no Smoky Mountain Wrestling. Ele Fala sobre a chegada da equipe na WWE nos anos 90 e o sucesso que teve e como sempre davam às pessoas o que elas queriam. Ele destaca que foram ícones inspiradores para as gerações. Eles continuaram a lutar com os jovens com quem eles têm treinado por 34 anos, por causa da paixão que eles tinham. Ele fala sobre o apoio do público ao longo dos anos.

Finalmente ele chama a dupla Rock ‘n’ Roll Express.

Aparecem Ricky e Robert, comentando que se surpreenderam com os bons comentários de Jim. Ambos lembram suas famílias e seus filhos e descendentes. Robert comentou que ainda estão ativos e continuam. Eles fazem piadas, mas continuam sérios, lembrando as mudanças que vimos e como eles começaram em um negócio que terminou dando a maior empresa de entretenimento esportivo. Ricky fala sobre como apóia os rapazes e como eles são atletas profissionais. Ricky se lembra de Jimmy Hart e Jerry Lawler, porque sem eles não seriam nada. Segue os agradecimentos, a Jim Ross, Bill Watts e, em seguida, Dusty Rhodes. Robert diz que Dusty os ajudou a se tornarem campeões mundiais e permitiu-lhes ter sucesso. Eles reconhecem o trabalho e ajuda de pessoas como Kevin Nash e Ric Flair, que foi designado como o melhor campeão dos pesos pesados ​​de todos os tempos. Ricky faz o público gritar o típico canto de Flair. Lembram da importância de Jim Crockett e suas batalhas com os Freebirds. Eles dizem que não estaria aqui se não fosse o Midnight Express. Ricky recorda que eles têm estado em todo o mundo, passaram muitas coisas aconteceram e que não vai mudar nada, o seu parceiro é a melhor pessoa que encontrou e o melhor companheiro que ele poderia ter pedido. Finalmente eles saem emocionados e recebem muitos aplausos da platéia.

Jerry agradece a dupla e anuncia o próximo a ser introduzido.

É mostrado um vídeo homenageando "Ravishing" Rick Rude.

Jerry Lawler chama Ricky "The Dragon" Steamboat. 

"The Dragon" aparece para introduzir Rude. Steamboat começa seu discurso falando de como faz 8 anos que foi seu momento no Hall of Fame. Depois que se formou Rude começou a treinar em 1982. Steamboat  fala sobre como Rude foi um verdadeiro Heel como Ric Flair e não compartilhava nada com ninguém.Ele se lembra dos duros treinamentos que Rude estava carregando um grande peso, bem como a sua força. Ele também observa que ele nunca esqueceu qualquer coisa, até mesmo vender a dor em suas lutas. Ele destaca a sua participação na DX e a família de Bobby Hennan. Conta uma história em sobre um combate na Steel Cage , em que ele tentou fazer um suplex contra a célula, Rick agarrou suas pernas no topo da gaiola e começou a fazer exercícios abdominais. Ele termina seu discurso, pedindo uma recepção calorosa à família de Rick Rude.

A mulher e os filhos de Rude aceitam o prêmio pelo falecido pai. O filho dele diz como era difícil falar sobre alguém como seu pai, perguntando o que ele diria. Começa a mexer com o público como fazia Rude. Prefere comentar sobre o lado pessoal de seu pai, recordando seus primeiros dias e quão difícil era para avançar em uma família humilde. Ele discute como Rick chegou a lutar como um profissional acabou ganhando pessoas no campeonato mundial em Las Vegas. Ele se lembra de seu pai sempre falando sobre o negócio e o que fazer. Ele discute como ele conheceu sua mãe, que lidou com os seus filhos. Ele elogia sua irmã e seu outro irmão, e terminar agradecendo a celebração de um dos melhores de todos os tempos.

Jerry Lawler agradece a família e da continuação ao show.

É mostrado um vídeo homenageando Beth Phoenix, a próxima a ser introduzida.

Jerry Lawler chama Natalya e ela aparece.

A lutadora do SmackDown Live aparece para introduzir Beth Phoenix.  Natalya começa dizendo que está introduzindo a sua melhor amiga e isso é parte do destino. Ela lembra que tudo começa com Mark Henry, que lhe disse que Beth lhe recordou a primeira vez que a viu, mas ela não sabia quem era Phoenix. Beth disse que queria se tornar uma lutadora para Bret e Owen Hart. Em seguida, elas se conheceram e se tornaram grandes amigas. No final Natalya percebeu que ela queria ser como Beth, similar à relação do The Fabolous Moolah e Mae Young. Apesar de participar do primeiro combate de duplas feminino, Beth queria que o foco estivesse em Natalya.  Natalya diz que Beth se tornou sua família e que Beth é mais do que uma lutadora, ela é a mãe, é formada, é três vezes campeã feminina e uma das três lutadoras da história que participou do Royal Rumble. Muito emocionada Natalya diz que Beth foi um presente de seu tio Owen. 

Natalya chama Beth bastante emocionada.

Beth Phoenix chega e abraça Natalya. Ela fica emocionada e o público pede mais uma luta. Beth diz que seu primeiro amor foi o pro-wrestling e que cresceu observando-o com sua família. Na Wrestlemania X no combate entre Bret e Owen Hart ela percebeu que este era o seu destino. Ela lembra de sua amiga e colega de quarto na universidade que apoiou em sua decisão de se tornar uma lutadora. Ela Começa a agradecer a todos aqueles que ajudaram a iniciar, destacando a hospitalidade da família Anoa'i. Ela fala dos lutadores que ela conheceu como, Eddie Guerrero, o Dudley Boys e Val Venis, que a ajudou. Ela diz que Molly Holly conseguiu chegar ao OVW e chegou ao território de desenvolvimento da WWE, e pagou o seu registro para tornar seus sonhos realidade. Ela agradece a todos que estava no OVW como Jim Cornette, Al Snow, Lance Storm e Paul Heyman. Sobre este último ela assinala que ele viu a e acreditou nela, o que lhe permitiu seguir em frente. Ela fala sobre as palavras de Tommy Dreamer, aqueles que lutam com paixão e mais ninguém que ama o pro wrestling que Dreamer, que conduziu a ela e sua amiga. Ela segue com a lista de agradecimentos para Gail Kim, Cereja, Melina, Katie Lea Burchill, Maria, Nikki e Brie Bella, Vickie Guerrero, Tamina, Michelle McCool, Layla, Kelly Kelly, Alicia Fox, Eve Torres, Trish Stratus, etc, que ajudou a reforçar o papel das mulheres. Continua falando de Candice Michelle que lhe permitiu criar a "The Glamazon". Ele passa a discutir o papel das lutadoras próximas a ela como Mickie James, Eve Torres e seu relacionamento com Santino Marella. Ela diz que era sempre divertido trabalhar com ele e qu ele conseguia colocar um sorriso no rosto de todos. Ela fala sobre Natalya, destacando a sua personalidade e amizade, chegando a estar com ela em seus momentos mais difíceis. Agradece também o papel das lutadoras atuais hoje para promover o papel da igualdade das mulheres no pro-wrestling. Ela elogia o trabalho de Sasha Banks, Charlotte, Dana Brooks, Bayley, Alexa Bliss, Nia Jax, Carmella, Naomi, Becky Lynch e outras lutadoras promissoras. Continua a reconhecer o trabalho daqueles que trabalharam com ela, seja na produção, além de tudo antes deles pessoas como Trish Stratus, Lita e Chyna. Ela se concentra em Chyna, que a inspirou a ser uma lutadora. Ela agradece a sua família, especialmente sua mãe, que está se recuperando de uma cirurgia cardíaca complicada. Ela mostra a sua gratidão à sua família e fala especialmente do seu marido Edge ... mas parece Tomy Chimel! Ele introduz "o Rated R Superstar" Edge. Beth diz que o relacionamento com Edge, é especial por serem lutadores. Ela agradece o pai de suas duas filhas e fala da importância e o apoio de seu marido. Por fim, ela fala com suas filhas, que aponta como suas maiores conquistas.

Jerry Lawler agradece Beth e da continuação ao show.

É mostrado um vídeo homenageando Eric LeGrando, o qual irá receber o Warrior Award deste ano.

Jerry Lawler chama Dana Warrior que irá entregar o prêmio ao Eric.

Dana Warrior, a esposa do falecido Ultimate Warrior vem introduzir a terceira pessoa vencedora do Warrior Award. Dana começa seu discurso. Ela fala que Orlando é o lugar dos contos de fadas, com rainhas más e princesas com soqueiras. Diz que há gigantes e guerreiros, inclusive escadas metálicas e spears. Além disso, ela ressalta que cada história precisa de um bobo da corte como Enzo Amore. Ela observa o trabalho duro por um ano para provar quem é o "homem", mas que houve um "Ultimate Warrior". Ela fala de inspiração para as pessoas serem guerreiros em sua vida para que sempre acreditem. Diz que o espírito de seu marido, o qual segue dando forças as pessoas como Eric LeGrand. Ela destaca que é uma pessoa que representa a palavra acreditar e pode iluminar a vida dos outros. Ela destaca o trabalho de sua mãe, Karen LeGrand, que observa que também é uma rainha e guerreira. Ela enfatiza que acredita em Eric, que não desiste em suas tentativas de restaurar o movimento do seu corpo, mas também inspira outros. Fala sobre como o amor conecta as pessoas, como no caso de Eric.

Ela termina seu discurso, pedindo uma recepção calorosa para Eric LeGrand.

Eric LeGrand começa agradecendo Dana, Triple H e a WWE. Ele comenta sobre o treinador de Triple H, Joe DeFranco, que também trabalha com ele, e que lhe permitiu participar de um PPV em Brooklyn. Ele lembra de como tudo começou em um espaço na televisão, comentando sobre a história de outras crianças com deficiência, que foram inspirados pela WWE. Ele fala sobre o acidente e como ele perdeu a mobilidade enquanto jogava futebol americano. Ele fala sobre como ele recebeu a mensagem de que ele nunca mais poderia andar e a primeira coisa que sua mãe disse, é que ele voltaria. A partir desse momento, sentiu o espírito do guerreiro e não desistiu. Ainda assim, ele lembra que há cinco anos começou a melhorar e ele continuou a trabalhar em sua reabilitação, e melhorando a vida sem suporte para respiração e mobilidade lentamente se recuperou. Ele destaca outra figura inspiradora como o ator Christopher Reeve e agora seu dever para ter sucesso e alcançar o objetivo de encontrar uma cura para a paralisia. Segue falando sobre suas histórias e anedotas como um fã da WWE, fazendo movimentos em casa e diz que Stone Cold Steve Austin, é um de seus ídolos. Também visa Kane como outra estrela que ele admira. Finalmente destaca The Rock como uma outra figura importante para ele e sua energia. Ele diz que tem mais algumas pessoas para agradecer como a sua mãe e, finalmente os  seus amigos e companheiros de equipe. Ele termina se despedindo do público e termina prometendo que um dia voltará a andar.

Jerry Lawler agradece Eric e continua com o show.

É mostrado um vídeo homenageando Teddy Long.

Jerry Lawler chama JBL e Ron Simmons o THE APA.

The APA (JBL e Ron Simmons) começam a falar de quantos anos ele tem e nunca pagou. Ron pega uma lista do casaco. JBL diz que antes que fosse um manager e gênio dos combates de duplas, trabalhou para a APA e The Godfather como motorista. Eles continuam fazendo piadas sobre a idade dele, dizendo que lutou contra os confederados no seu dia. Fora as piadas, Ron Simmons se concentra e discute as realizações, tais como tornar-se o gerente geral com o maior reinado do SmackDown. JBL fala sobre as origens do Teddy e como foi difícil em um bairro julgado por a cor de sua pele. John diz que, embora os Estados Unidos estejam muito à esquerda, graças a pessoas como Teddy se progride gradualmente para alcançar a igualdade racial. Fala sobre como ele estava indo para ter uma chance e abriu uma porta para as gerações. Ron diz que com trabalho duro e sacrifício, tudo o que você busca você consegue. JBL apresenta Teddy insultando ele.

Teddy Long chega e brinca com JBL e Simmons e faz sua tradicional dança. Depois pede ao público, os gritos deHolla! Holla! Holla! Long corrige JBL e diz que ele não foi preso e culpando JBL e Simmons. Apesar de superar o teste do bafômetro, como eles tinham cervejas no carro, ele foi multado, e pagou a multa lentamente. Fala sobre suas origens no pro-wrestling em Geogia Championship Wrestling. Ele começou a limpar varrer, para se manter ocupado. Em seguida, ele seguiu com tarefas simples como montar os ringues. Em uma ocasião não houve árbitro, então ele se ofereceu e conseguiu a oportunidade e tomou-a, com a má sorte estava no Texas Deathmatch. Ele diz como ele estava assustado com todo o sangue e saiu do ringue. Depois que ele se relacionou com Kevin Sullivan e se descobriu que por um tempo em sua juventude foi DJ, então ele começou a dar um microfone e sob a tutela de Jim Ross começou a ser gerente. Ele recorda todos os lutadores da WCW e NWA com quem trabalhou e, finalmente, começou na WWE em 1998 graças a Jim Ross. Ele começou como um árbitro e uma das reuniões do conselho procuravam uma nova figura de autoridade e foi dada a ele a oportunidade. Fez uma promo com D'Lo Brown e Vince ficou surpreso. Depois disso, ele continuou a trabalhar com pessoas como Mark Henry, Rodnie Mac, Christopher Lewynsky, etc. Ele comenta como ele veio para oSmackDown e meia hora antes de iniciar um roteirista disse que ele seria o novo gerente geral da brand azul. El não queria decepcionar os McMahon, assim superou seus nervos e veio para a frente. Depois disso, ele passou nove anos sendo gerente geral. Ele agradeceu a muitas pessoas da WWE, o Universo WWE e a família McMahon, que lhe permitiu ter a oportunidade de sua vida. Agradece a seu filho, que veio para ajudá-lo nas montagens do ringue; a sua esposa, com quem é casado a mais de20 anos. Ele se despede agradecendo o apoio das pessoas da classe de 2017 do Hall of Fame. Finalmente, ele diz que Simmons e JBL tem um problema com ele e eles deve dinheiro a ele, e eles irão pagar quando Teddy colocá-los em um combate de tag team! Mas Simmons é aposentado, ele diz que vai colocar JBL num combate um contra um contra The Undertaker! Teddy agradece o público e se despede.

Jerry Lawler agradece Teddy Long e da continuação ao show.

WWE vai apresentar a segunda edição dos membros dO Legacy Award do Hall of Fame. Este prêmio homenageia a memória dos lutadores e lutadoras cujas as ilustras carreiras foram influenciado na história do pro-wrestling, tais como: 

- Judy Grable 
- June Byers
- Toots MoDT 
- Rikidozan 
- Farmer Burns 
- Luther Lindsay 
- Dr. Jerry Graham
- Haystacks Calhoun 

É mostrado um vídeo homenageando Kurt Angle.

Jerry Lawler chama John Cena e ele aparece.

John Cena aparece e é recebido com vaias e gritos de “Vamos The Miz” do público. No entanto, Cena apela ao respeito por alguém que merece. Ele diz que não há palavras para descrever o quão grande é Angle, já que está em sua própria classe. Um talento físico e com uma personalidade imponente que também podem fazer as pessoas rirem.  Ele fala da carreira como um lutador amador e como ele ganhou uma medalha olímpica com uma lesão no pescoço. Ele fala que, por vezes, os lutadores não estão à altura das expectativas, mas que Angle se superou. Também de como em dois anos, ele tornou-se o critério pelo qual iriam medir o resto do talento. Ele diz que sua lenda cresceu tanto que as pessoas começaram a fila para encontrar ele dentro e fora das câmeras. Alguém também divertido e que sempre soube como entreter, um superstar. Que fez a gente apoiar, rir e aplaudir. Esse é o tipo de lutador que um pai diz a seu filho e que não pode ser verdade alguém assim, mas sim, é verdade! É uma maldita verdade! Cena apresenta um amigo, mentor, em seu retorno para casa, Kurt Angle.

Angle aparece sob grandes gritos de “You Suck” em sua música de entrada. Kurt diz que é ótimo estar de volta para casa e agradece John por seu discurso e o respeito que tem por ele. O público grita por mais combate, mas Kurt brinca que, por favor, os fãs dêem a ele um tempo. Ele conta a história de como ele chegou a WWE em 1996, depois de ganhar a medalha de ouro. Vince McMahon convidou ele e lhe ofereceu um grande contrato. Kurt comentou a Vince que se ele aceitasse esse grande contrato oferecido, ele não deveria perder qualquer combate, assim a oferta se foi. Depois de assistir RAW contatou Jim Ross e perguntou se o contrato ainda estava de pé, mas ele disse que não. Assim, ele trabalhou e foi para o nível que se pedia, graças à ajuda de pessoas como Jim Ross, Dory Funk Jr., Tom e Bruce Prichard, Gerry Briscoe, Patt Paterson, Dean Malenko, etc. Quando ele começou na televisão, tinha apenas 12 meses desde que ele começou e conseguiu  graças à ajuda de pessoas na empresa como Edge e Christian, os Hardys, Chris Jericho, Eddie Guerrero, Stone Cold, The Rock, Triple H, Kane, Big Show, The Undertaker e Rikishi. Ele começou a trabalhar com essas pessoas e se tornou um dos melhores no negócio. Ele lembra de grandes combates contra Shawn Michaels, Randy Orton, Brock Lesnar, Shane McMahon e John Cena. Mas Kurt quer dar conselhos aos outros lutadores e lutadoras em público, pedindo-lhes para aprender com seus erros e seguir os protocolos e regras. Que não sejam caras que as pessoas querem que sejam, para aproveitarem as suas oportunidades com suas personalidades e personagens, como ele fez. Que em ocasiões você faça papel de ridículo, pois ajuda como o tema do pequeno chapéu de cowboy. Conte com o público recriando momentos. Também observa que com a peruca teve sua chance. Ele coloca uma peruca junto com um protetor de cabeça e diz que quer se apresentar ao Hulk Hogan com essa posição. Ele decide deixá-lo. Ele se lembra de um combate com Undertaker com qual ele realizou a entrada com uma motoca, de modo que o Deadman ficou com raiva. Ele se lembra dos gritos com Ric Flair e fazer batalhas de rap com John Cena. Ele começa a cantar a versão parodia da música de Shawn Michaels a “Sexy Kurt”. 

Resume a necessidade de fazer momentos para seus personagens, porque isso vive para sempre. Seu favorito é o caminhão de leite. Agradece a deus pelo o que ele fez na WWE. Agradece a WWE pela oportunidade e aos fãs por seu apoio incondicional. Ele segue agradecendo a sua família, suas cinco filhas e sua mulher Giovanna, que esteve com ele nos piores e melhores momentos.  Finalmente ele comemora a introdução da melhor maneira que sabe... Trazem a ele duas garrafas de leite! Anuncia ao público que esta é a classe de 2017 do Hall of Fame da WWE. Fechado com seu clássico "It’s True! It’s damn true!" e bebe o leite. Com sua música de entrada tocando ele agradece o público e assim termina a cerimônia.


FIM DA CERIMÔNIA.

Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript!CLIQUE AQUI E CURTA A NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK